Bula Medicamento - DEXA-CITONEURIN COMPRIMIDOS / INJETAVEL


DEXA-CITONEURIN

DEXA-CITONEURIN
- Composição

DEXA-CITONEURIN® Solução injetável
Cada ampola I (2ml) contém:
Cloridrato de tiamina (vitamina B1).................................................................. 100 mg
Cloridrato de piridoxina (vitamina B6).............................................................. 100 mg
Cianocobalamina (vitamina B12).................................................................. 5.000mcg
Cloridrato de procaína.................................................................................... 50 mg
e excipientes (álcool benzílico, cloridrato de procaína e dietanolamina)

Cada ampola II (1ml) contém:
21-Acetato de dexametasona........................................................................ 4 mg
e excipientes (álcool benzílico, carboximetilcelulose sódica, cloreto de sódio e polioxietileno sorbitano monolaurato)

DEXA-CITONEURIN® Comprimidos laqueados
Cada comprimido laqueado contém:
Dexametasona................................................................................................ 0,5 mg
Mononitrato de tiamina (vitamina B1) .............................................................100 mg
Cloridrato de piridoxina (vitamina B6)............................................................ 100 mg
Cianocobalamina (vitamina B12)............................................................... 5.000 mcg
e excipientes (ácido silícico, amido, carboximetilcelulose sódica, celulose, estearato de magnésio, lactose e luviskol)

- lndicações

Antiinflamatório, antiálgico e antineurítico. Contra-indicações
DEXA-CITONEURIN® Solução injetável está contra-indicado em pacientes com reconhecida hipersensibilidade à tiamina e à procaína. Por não estar plenamente estabelecida a segurança de seu uso durante a gestação, DEXA-CITONEURIN®, em solução injetável ou comprimidos laqueados, não deve ser usado por mulheres grávidas. O uso dos produtos é também contra-indicado para pacientes com história de úlcera péptica, hipertensão arterial, diabetes, insuficiência cardíaca, bloqueio aurículo-ventricular, bradicardia e infecção micótica sistêmica ou hipersensibilidade a qualquer um dos excipientes.

- Precauções

DEXA-CITONEURIN®, Solução injetável ou Comprimidos laqueados, só excepcionalmente deve ser empregado em pacientes com processos infecciosos bacterianos ou viróticos.
O mesmo cuidado deve ser adotado em relação a pacientes com osteoporose.
Em pacientes hipotiróideos ou com cirrose hepática pode haver efeito aumentado do corticóide.
Pacientes com problemas psiquiátricos podem ter seus sintomas exacerbados pelo uso de corticóides.
A dexametasona é eliminada pelo leite materno e pode provocar efeitos indesejados no lactente. Assim sendo, mulheres em uso de DEXA-CITONEURIN®, Solução injetável ou Comprimidos laqueados, não devem amamentar durante o tratamento.
Durante tratamento com DEXA-CITONEURIN®, Solução injetável ou Comprimidos laqueados, os pacientes não devem ser submetidos a vacinas imunizantes.
- lnterações medicamentosas

DEXA-CITONEURIN®, Solução injetável ou Comprimidos laqueados, não deve ser administrado a pacientes parkinsonianos em uso de levodopa isolada, pois a vitamina B6 reduz o efeito terapêutico daquela droga. Isso parece não ocorrer quando a Ievodopa está associada a inibidores da descarboxilase.
Produtos contendo salicilatos, colchicina, aminoglicosídios, cloranfenicol, anticonvulsivantes, assim como suplementos de potássio, podem diminuir a absorção intestinal da vitamina B12.
A difenilhidantoína, o fenobarbital, a efedrina e a rifampicina reduzem os níveis plasmáticos da dexametasona.
O uso concomitante de salicilatos e antiinflamatórios pode aumentar a ação ulcerogênica da dexametasona.
O uso simultâneo de diuréticos e dexametasona resulta em excreção aumentada de potássio.
Durante tratamento com dexametasona deve-se controlar com freqüência o tempo de protrombina em pacientes em uso de anticoagulantes cumarínicos, pois a resposta a esses agentes é inibida.
Embora não confirmados, existem também relatos de potencialização da ação dos cumarínicos.
- Reações adversas

A dexametasona pode ocasionar reações adversas próprias dos corticóides, tais como:
Alterações no metabolismo hidrossalino - retenção de água / sódio, edema, caliurese aumentada e hipocaliemia;
Alterações cardiovasculares - hipertensão, insuficiência cardíaca;
Alterações no metabolismo lipídico - hiperglicemia, glicosúria, hiperfagia, hiperlipidemia;
Alterações ósseas - mobilização do cálcio e fósforo ósseos, osteoporose, necrose avascular de ossos, retardo do crescimento em crianças;
Exacerbação de úlceras pépticas, com possibilidade de sangramento e perfuração;
Risco aumentado de infecções, mascaramento de infecções;
Retardo na cicatrização;
Alterações hematológicas - leucopenia, tromboembolismo;
Alterações oculares - aumento de pressão intra-ocular, glaucoma, catarata;
Exacerbação de problemas psiquiátricos pré-existentes, alterações depressivas ou maníacas do humor, reações deliróides;
Hipercorticismo exógeno - síndrome de Cushing, com obesidade central, facies cushingóide ("cara de lua"), acne, hirsutismo, estrias, equimoses, miopatia etc.
Hipocortisolismo endógeno - por inibição da hipófise e da supra-renal, com insuficiente reação ao stress.
As reações adversas são quase sempre decorrentes do uso de elevadas doses de corticóides e/ou tempo de tratamento prolongado. Como o tratamento com DEXA-CITONEURIN®, Solução injetável ou Comprimidos laqueados, é feito em tempo curto e com doses baixas, não é de se esperar ocorrência de efeitos colaterais significativos.
A inibição das supra-renais e da hipófise é minimizada pela administração dos corticóides em dose única, pela manhã, ocasião em que ocorre o pico máximo de secreção endógena de corticoesteróide
É aconselhável, em caso de tratamento prolongado e/ou com altas doses, evitar interrupção brusca do tratamento, procedendo-se à redução gradativa da posologia.
Em pessoas sensíveis à procaína ou à tiamina, a injeção de DEXA- CITONEURIN® pode desencadear eritema, prurido, náuseas, vômitos ou reação anafilática. Existem relatos, muito raros, de reações alérgicas à própria dexametasona.
A injeção de DEXA-CITONEURIN® pode provocar dor e irritação no local de aplicação.
- Posologia e modo de usar

DEXA-CITONEURIN® Solução injetável
Uma injeção a cada dois ou três dias. Na maioria dos casos são suficientes três injeções.
No momento da aplicação, aspira-se para o interior de uma seringa, com capacidade mínima de 3ml, o conteúdo de uma ampola I e de uma ampola II. Injeta-se a mistura lentamente, por via exclusivamente intramuscular, de preferência intragluteal profunda.
Sempre que possível, as injeções devem ser aplicadas pela manhã, para acompanhar o ritmo circadiano de produção endógena dos corticoesteróides.
Outros esquemas posológicos podem ser adotados a critério médico.
DEXA-CITONEURIN® Comprimidos laqueados
A posologia recomendada varia de dois a seis comprimidos ao dia. A dose inicial diária, em casos agudos, é de seis comprimidos e, em casos crônicos, de quatro comprimidos.
Sempre que possível, os comprimidos devem ser tomados de uma só vez, pela manhã, para acompanhar o ritmo circadiano de produção endógena dos corticoesteróides. Os comprimidos devem ser ingeridos inteiros, sem mastigar, após refeição, de preferência, com um copo de leite.
Outros esquemas posológicos podem ser adotados a critério médico.
- Pacientes idosos

Os pacientes idosos são mais sensíveis ao desenvolvimento de hipertensão e osteopatias. Devem, portanto, utilizar a menor posologia capaz de produzir os efeitos terapêuticos desejados, pelo menor tempo possível.
- Conduta na superdosagem e nas reações adversas

O tratamento das reações adversas, dependentes de dose elevada e/ou uso prolongado, inclui redução na dose ou suspensão do medicamento e medidas sintomáticas.
Em caso de inibição da hipófise e supra-renal, o paciente deverá receber suplemento de corticóides sempre que submetido a situações estressantes (p. ex., cirurgias, traumatismos etc). Na eventualidade de reações alérgicas, administrar antialérgicos. Nas reações anafiláticas, utilizar adrenalina (subcutânea ou endovenosa) e corticóides endovenosos, promover reposição hídrica e alcalinização com bicarbonato de sódio.
Venda sob prescrição médica

O Clinicabr é um software para área de saúde. Para consultar a venda de remédios, sugerimos alguns sites populares na internet. Farmácias e drogarias on line:

Farmagora - www.farmagora.com.br
Farmadelivery - www.farmadelivery.com.br
Netfarma - www.netfarma.com.br
Ultrafarma - www.ultrafarma.com.br
Drogaria Minas Brasil - www.drogariaminasbrasil.com.br
PanVel farmácias - www.panvel.com
Onofre - www.onofre.com.br

Informamos que esta se destina unicamente para consultas e que o uso de medicamentos sem orientação adequada pode trazer riscos a saúde. O ClinicaBR recomenda a todos os pacientes a procurarem sempre uma orientação médica.

Acidex VIAGRA MICROVLAR SALONPAS GEL Cialis Adegrip TYLENOL Adeforte Uni Vir Creme Software Médico Rivotril Novalgina Adriblastina Rd Puran T4 Advil Adalat Retard Acular Acrosin Bulário Software Odontológico Acarsan Loção Ad-element Cadastrar Dorflex Aerolin CID-10 Absten S HIPOGLÓS Ad-til Accuvit NEOSALDINA Acticalcin Acne-aid BUSCOPAN Adalat Ciclo 21