Rental Software - Vivorental.com

Info:
- Aluguel de Computadores para consultorios, com toda a suporte: Convex
- Aluguel de multifuncionais, com toner, cilindro e suporte: Convex
- Adovagados - Previdenciario, DPVAT, Civil, Familia e Criminal - em Sinop / MT
- CRM, Proposal, Contracts and Invoices Management tool for small business
- CRM FOR RENTAL COMPANIES

Bula Medicamento - Cipramil


Cipramil®

Citalopram


Composição - Comprimidos: Cada comprimido contém: Bromidrato de citalopram, equivalente a 20 mg de citalopram base. Excipientes: Amido, lactose, celulose microcristalina, copolividona, glicerol a 85%, croscarmelose sódica, estearato de magnésio, hipromelose (revestimento), macrogol 400 (revestimento) e dióxido de titânio (coloração).

Indicações - É indicado para o tratamento e prevenção de recaída ou recorrência da depressão, de transtornos do pânico com ou sem agorafobia e transtorno obsessivo-compulsivo.

Contra-indicações - Este medicamento é contra-indicado em crianças. É contra-indicado em pacientes que apresentam hipersensibilidade a qualquer um de seus componentes. O tratamento concomitante com os IMAOs (inibidores da monoaminoxidase), incluindo a selegilina (inibidor seletivo da MAO-B) em doses acima de 10 mg por dia, é contra-indicado.

Modo de uso - Os comprimidos de CIPRAMIL® são administrados por via oral, uma única vez ao dia. Os comprimidos podem ser tomados em qualquer momento do dia, com ou sem alimentos. Engolir os comprimidos com água, sem mastigá-los.

Posologia - Geralmente a resposta terapêutica pode ser avaliada somente depois de 2 a 3 semanas de tratamento, quando um possível aumento da dose (em elevações de 10 mg) pode ser realizado em intervalos de 2 a 3 semanas. Tratamento da depressão: Administrar CIPRAMIL® na forma de uma dose oral única de 20 mg por dia. Dependendo da resposta individual do paciente e da gravidade da depressão, aumentar a dose até um máximo de 60 mg por dia. Tratamento do transtorno do pânico: Uma dose oral única de 10 mg é recomendada na primeira semana, antes de se aumentar a dose para 20 mg por dia. Dependendo da resposta individual, aumentar a dose até um máximo de 60 mg por dia. Tratamento do transtorno obsessivo-compulsivo: É recomendada a dose inicial de 20 mg. Dependendo da resposta individual, aumentar a dose até um máximo de 60 mg por dia. Pacientes idosos (V 65 anos de idade): Tratamento da depressão: Administrar CIPRAMIL® na forma de uma dose oral única de 20 mg por dia. Dependendo da resposta individual, aumentar a dose até um máximo de 40 mg por dia. Tratamento do transtorno do pânico: Uma dose oral única de 10 mg é recomendada na primeira semana, antes de se aumentar a dose para 20 mg por dia. Dependendo da resposta individual, aumentar a dose até um máximo de 40 mg por dia. Crianças: O uso não é recomendado, pois a segurança e a eficácia não foram estabelecidas nesta população. Função renal reduzida: Não é necessário o ajuste da posologia em pacientes com comprometimento renal leve ou moderado. Não está disponível nenhuma informação sobre o tratamento de pacientes com função renal gravemente reduzida (clearance de creatinina < 30 ml/min). Função hepática reduzida: Pacientes com função hepática reduzida não devem receber doses superiores a 30 mg/dia. Duração do tratamento: Uma melhora significativa do humor deprimido pode ser notada já na primeira semana de tratamento e uma resposta antidepressiva total em 2 a 4 semanas. O tratamento com antidepressivos é sintomático e deve, portanto, ser continuado por um período de tempo apropriado, geralmente 6 meses ou mais após a melhora clínica, para a prevenção de possíveis recidivas. No caso de pacientes com transtorno depressivo recorrente (unipolar), pode ser necessária a continuação da terapia durante alguns anos para a prevenção da ocorrência de novos episódios. A melhora máxima com CIPRAMIL® no tratamento do transtorno do pânico é alcançada depois de cerca de 3 meses e a resposta é mantida durante tratamento continuado. O início do efeito no tratamento do transtorno obsessivo-compulsivo (TOC) é de 2 a 4 semanas, havendo melhora adicional com a continuação do tratamento. Descontinuação: Ao interromper o tratamento com o CIPRAMIL® reduzir gradualmente a dose durante um período de uma ou duas semanas, para evitar possível sintomas de descontinuação. Esquecimento da dose: A meia-vida de CIPRAMIL® é de aproximadamente um dia e meio, fato que associado à obtenção da concentração de estado de equilíbrio após o período de 5 meias-vidas permite que o esquecimento da ingestão da dose diária possa ser contornado com a simples supressão daquela dose, retomando no dia seguinte a prescrição usual. Não dobrar a dose.

Reações adversas - Os efeitos adversos observados com CIPRAMIL® são em geral leves e transitórios. Eles são mais freqüentes durante a primeira ou segunda semana de tratamento e geralmente se atenuam em seguida. Os efeitos adversos mais comumente observados com o uso de CIPRAMIL® em estudos duplo-cegos, controlados por placebo e não observados com uma incidência igual entre pacientes tratados com placebo, foram: náuseas, bocejos, boca seca, sonolência, sudorese aumentada, tremor, diarréia, diminuição da libido, distúrbios de ejaculação e anorgasmia em mulheres. A incidência excedete de cada um desses efeitos adversos em relação ao placebo é baixa. Há correlação entre dose e respnosta para os seguintes efeitos adversos: sudorese aumentada, boca seca, agitação, sonolência, diarréia, náusea e fadiga. Os efeitos adversos abaixo foram relatados em estudos clínicos ou durante a vigilância após a comercialização. Comuns (> 1/100, < 1/10): Relatados em estudos clínicos e freqüência corrigida por placebo: sudorese aumentada, boca seca, agitação, apetite diminuído, impotência, insônia, libido diminuída, sonolência, bocejos, diarréia, náusea, distúrbios de ejaculação, anorgasmia feminina, fadiga. Muito raros (< 1/10.000): Todos relatados através do serviço de farmacovigilância após a comercialização: hiponatremia, secreção inapropriada de ADH (ambas especialmente em mulheres idosas), hipersensibilidade, convulsões, convulsão tipo grande mal, síndrome serotoninérgica, síndrome de descontinuação (vertigem, náusea e parestesia), equimose, púrpura, sintomas extrapiramidais.

Apresentação - Comprimidos revestidos: Caixas de cartolina contendo 1 ou 2 cartelas com 14 comprimidos cada.

Venda Sob Prescrição Médica.

Só pode ser vendido com retenção da receita.

Fabricado e embalado por: H. Lundbeck A/S - Copenhague, Dinamarca.

Central de atendimento: 0800-2824445.

Registro no M.S. 1.0475.0043.002-2.
Registro no M.S. 1.0475.0043.003-0.

Importado e distribuído por:
LUNDBECK Brasil Ltda.

O Clinicabr é um software para area de saúde. Para consultar a venda de remédios, sugerimos alguns sites populares na internet. Farmácias e drogarias on line:

Farmagora - www.farmagora.com.br
Farmadelivery - www.farmadelivery.com.br
Netfarma - www.netfarma.com.br
Ultrafarma - www.ultrafarma.com.br
Drogaria Minas Brasil - www.drogariaminasbrasil.com.br
Onofre - www.onofre.com.br

Informamos que esta se destina unicamente para consultas e que o uso de medicamentos sem orientação adequada pode trazer riscos a saúde. O ClinicaBR recomenda a todos os pacientes a procurarem sempre uma orientação médica.

Acidex VIAGRA MICROVLAR SALONPAS GEL Cialis Adegrip TYLENOL Adeforte Uni Vir Creme Software Medico Rivotril Novalgina Adriblastina Rd Puran T4 Advil Adalat Retard Acular Acrosin Bulario Software Odontologico Acarsan Locao Ad-element Cadastrar Dorflex Aerolin CID-10 Absten S HIPOGLOS Ad-til Accuvit NEOSALDINA Acticalcin Acne-aid BUSCOPAN Adalat Ciclo 21