Rental Software - Vivorental.com

Info:
- Aluguel de Computadores para consultorios, com toda a suporte: Convex
- Aluguel de multifuncionais, com toner, cilindro e suporte: Convex
- Adovagados - Previdenciario, DPVAT, Civil, Familia e Criminal - em Sinop / MT
- CRM, Proposal, Contracts and Invoices Management tool for small business
- CRM FOR RENTAL COMPANIES

Bula Medicamento - Amaryl


Amaryl®

Glimepirida



Indicações - Diabetes mellitus não-insulinodependente (tipo II ou diabetes do adulto), quando os níveis de glicose não podem ser adequadamente controlados por meio de dieta alimentar, exercícios físicos e redução de peso. AMARYL® (glimepirida) pode ser associado à metformina quando os níveis glicêmicos não puderem ser adequadamente controlados por meio de dieta alimentar, exercícios físicos e uso de AMARYL® (glimepirida) ou metformina em monoterapia. AMARYL® (glimepirida) também pode ser utilizado em associação com insulina.

Contra-indicações - Diabetes mellitus insulinodependente (tipo I ou diabetes juvenil), pré-coma ou coma diabético, cetoacidose diabética, hipersensibilidade à glimepirida ou a qualquer de seus componentes, outras sulfoniluréias ou derivados sulfonamídicos, insuficiência renal ou hepática grave; pacientes que precisam se submeter a diálise; gravidez e lactação.

Precauções - Observar sinais clínicos de hiperglicemia: poliúria, polidipsia, secura da boca e pele ressecada. Recomenda-se controle periódico dos níveis de glicose no sangue e na urina. Os sintomas de hipoglicemia podem ser mais leves ou ausentes quando a hipoglicemia desenvolver-se de forma gradual, por exemplo, quando da idade avançada, quando houver uma neuropatia autonômica ou quando o paciente estiver recebendo tratamento simultâneo com betabloqueadores, clonidina, reserpina, guanetidina e outros fármacos simpaticolíticos. Está indicada a substituição temporária por insulina nos casos de estresse muito grande (por exemplo, trauma, cirurgia, infecções acompanhadas de febre). AMARYL® (glimepirida) não substitui a dieta.

Interações - Potencialização do efeito da diminuição do nível de açúcar no sangue, e conseqüente hipoglicemia, apresentado pela glimepirida, como, por exemplo, por insulina ou outro antidiabético (oral), inibidores da ECA, alopurinol, esteróides anabolizantes e hormônios masculinos, cloranfenicol, derivados cumarínicos, ciclofosfamidas, disopiramida, fenfluramina, feniramidol; fibratos, fluoxetina, guanetidina, ifosfamida, inibidores da MAO, miconazol, ácido para-aminossalicílico, pentoxifilina, fenilbutazona e oxifenilbutazona, azapropazona, probenecida, quinolonas, salicilatos, sulfimpirazona, sulfonamidas, tetraciclinas, tritoqualina, trofosfamida. Atenuação do efeito hipoglicemiante da glimepirida, como, por exemplo, por acetazolamida, barbitúricos, corticosteróides, diazóxido, diuréticos, epinefrina (adrenalina) e outros agentes simpaticomiméticos, glucagon, laxantes (uso abusivo), ácido nicotínico (em doses elevadas), estrogênios e progestágenos, fenotiazínicos, fenitoína, rifampicina, hormônios da tireóide. Potencialização ou atenuação do efeito hipoglicemiante da glimepirida: antagonistas de receptores H2, clonidina, reserpina; ingestão de álcool. Diminuição da tolerância à glicose, piora do controle metabólico: betabloqueadores. Redução ou ausência de sinais de contra-regulação adrenérgica: fármacos simpaticolíticos (como betabloqueadores, clonidina, guanetidina, reserpina). A glimepirida pode tanto fortalecer como enfraquecer o efeito dos derivados cumarínicos. A glimepirida é metabolizada pelo citocromo P-450 2C9 (CYP2C9). Deve-se levar em consideração tal fato, quando a glimepirida for concomitantemente administrada a indutores (como a rifampicina) ou inibidores (como o fluconazol) do CYP2C9.

Reações adversas - Principais efeitos adversos: Hipoglicemia (dor de cabeça, excesso de apetite, náusea, vômitos, fadiga, insônia, alteração do sono, inquietação, agressividade, falta de concentração, depressão, confusão mental, alterações da fala e da visão, afasia, tremor, paresias, distúrbios sensoriais, tontura, sensação de abandono, perda do próprio controle, delírio, convulsão, sonolência e alterações da percepção, podendo evoluir para coma) e outros sinais de contra-regulação adrenérgica (sudorese, pele úmida e fria, ansiedade, taquicardia, hipertensão, palpitação, angina do peito e arritmias cardíacas); alterações visuais temporárias; sintomas gastrintestinais (por exemplo, náuseas, vômitos, dor abdominal, diarréia); elevação dos níveis das enzimas hepáticas, comprometimento da função hepática (por exemplo, com colestase, icterícia), hepatite, insuficiência hepática; trombocitopenia, leucopenia, anemia hemolítica, eritrocitopenia, granulocitopenia, agranulocitose, pancitopenia, reações alérgicas ou pseudo-alérgicas (por exemplo, prurido, erupções, urticária), incluindo choque e vasculite alérgica; hipersensibilidade à luz; redução das concentrações séricas de sódio. Pacientes com insuficiência da função renal podem ser mais sensíveis aos efeitos hipoglicemiantes de AMARYL® (glimepirida).

Posologia - Em geral, é uma terapia de longa duração, que deve ser prescrita e monitorada por um médico. A posologia inicial usual é de 1 mg ao dia; a posologia de manutenção usual é de 1 mg a 4 mg ao dia; a dose máxima é de 8 mg ao dia. Recomenda-se administrar imediatamente antes da primeira refeição substancial ou da primeira refeição principal.

Superdosagem - Ingerir açúcar de imediato, se possível na forma de glicose. A hospitalização pode vir a ser necessária em algumas ocasiões. Se o paciente estiver inconsciente é indicada uma injeção intravenosa de solução concentrada de glicose. Para adultos, pode-se considerar a administração de glucagon em doses de 0,5 a 1 mg por via intravenosa, subcutânea ou intramuscular. Em crianças e adolescentes, a dose de glicose deve ser administrada cuidadosamente. A ingestão excessiva de AMARYL® (glimepirida) requer medidas rápidas de desintoxicação (lavagem gástrica e carvão medicinal).

Apresentação - Comprimidos sulcados de 1, 2 e 4 mg.

Venda Sob Prescrição Médica.

Para maiores informações antes de sua prescrição, favor ler a bula completa do produto.

A persistirem os sintomas, o médico deverá ser consultado.

Registro no M.S. 1.1300.0205.

SANOFI-AVENTIS Farmacêutica Ltda.

O Clinicabr é um software para area de saúde. Para consultar a venda de remédios, sugerimos alguns sites populares na internet. Farmácias e drogarias on line:

Farmagora - www.farmagora.com.br
Farmadelivery - www.farmadelivery.com.br
Netfarma - www.netfarma.com.br
Ultrafarma - www.ultrafarma.com.br
Drogaria Minas Brasil - www.drogariaminasbrasil.com.br
Onofre - www.onofre.com.br

Informamos que esta se destina unicamente para consultas e que o uso de medicamentos sem orientação adequada pode trazer riscos a saúde. O ClinicaBR recomenda a todos os pacientes a procurarem sempre uma orientação médica.

Acidex VIAGRA MICROVLAR SALONPAS GEL Cialis Adegrip TYLENOL Adeforte Uni Vir Creme Software Medico Rivotril Novalgina Adriblastina Rd Puran T4 Advil Adalat Retard Acular Acrosin Bulario Software Odontologico Acarsan Locao Ad-element Cadastrar Dorflex Aerolin CID-10 Absten S HIPOGLOS Ad-til Accuvit NEOSALDINA Acticalcin Acne-aid BUSCOPAN Adalat Ciclo 21